Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e o Sarampo atinge meta vacinal em Guaratinguetá

09/10/2018
A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e o Sarampo atinge meta vacinal no município de Guaratinguetá. A cidade possuía população-alvo de 5.364 pessoas e desse valor atingiu 100,43% (5.387 doses aplicadas) com sarampo e 98,62% (5.290 doses aplicadas) com polio. A ação contou com dois “Dia D” e um dia de mobilização, além da vacina ser realizada nas unidades de saúde do município, exceto na unidade do Campinho e Colônia. A campanha começou no dia 04 de agosto e foi até o dia 15 de setembro, tendo como público-alvo crianças de 1 a 4 anos, 11 meses e 29 dias.
A poliomielite é uma doença infecciosa causada pelo poliovírus. Ela apresenta quadros de paralisia muscular súbita e não tem cura. Por conta disso, a imunização precisa ser feita o mais cedo possível. Já sarampo também é uma doença infecciosa, além de contagiosa, causada pelo vírus Morbillivirus. Ela é uma das principais responsáveis pela mortalidade infantil em países sub-desenvolvidos.
Por isso, não deixe de vacinar seu filho. A campanha acabou, mas as vacinas continuam disponíveis nos postos de saúde da cidade.

Skip to content