Bem Vindo ao Portal da Prefeitura Estância Turística Guaratinguetá   Click to listen highlighted text! Bem Vindo ao Portal da Prefeitura Estância Turística Guaratinguetá

Programas e Projetos

PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO:

Aplicação:Por meio de oficinas

Número de estudantes atendidos:200 alunos divididos em 5 oficinas.

Objetivo:O Programa Mais Educação é operacionalizado pelaSecretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade(SECAD), em parceria com a Secretaria de Educação Básica (SEB),por meio do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE) do FundoNacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para as escolasprioritárias.

Ações:As atividades fomentadas foram organizadas nosmacrocampos:

  • Acompanhamento Pedagógico;
  • Meio Ambiente;
  • Esporte e Lazer;
  • Direitos Humanos em Educação;
  • Cultura e Artes;
  • Cultura Digital;
  • Promoção da Saúde;
  • Educomunicação;
  • Investigação no Campo das Ciências da Natureza;
  • Educação Econômica.

Caminho na Escola

                  Aplicação: Todas as Escolas Rurais

Número de estudantes atendidos:

                  Objetivo: Garantir acesso à escola para estudantes de áreas rurais       


PROGRAMA ESCOLA ACESSÍVEL:

Aplicação: todas as Escolas da Rede Municipal.

Número de estudantes atendidos:

Objetivo: Promover condições de acessibilidade ao ambiente físico, aos recursos didáticos e pedagógicos e à comunicação e informação nas escolas públicas de ensino regular.
Ações:
– O Programa disponibiliza recursos, por meio do Programa Dinheiro Direto na Escola – PDDE, às escolas contempladas pelo Programa Implantação de Salas de Recursos Multifuncionais. No âmbito deste programa são financiáveis as seguintes ações:
– Adequação arquitetônica: rampas, sanitários, vias de acesso, instalação de corrimão e de sinalização visual, tátil e sonora;
– Aquisição de cadeiras de rodas, recursos de tecnologia assistiva, bebedouros e mobiliários acessíveis;


PROERD
Aplicação: todas as Escolas da Rede Municipal.

Número de estudantes atendidos: 1.024 alunos em 2014

Objetivo:Com caráter social preventivo, que tem como objetivo prevenir o uso de drogas, inserindo em nossas crianças a necessidade de desenvolver as suas potencialidades para que alcancem de maneira concreta e plenamente seus sonhos de uma sociedade mais justa e segura.

Este Programa consiste num esforço cooperativo da Polícia Militar, através dos Policiais Instrutores PROERD, Educadores, Pais e Comunidade para oferecer atividades educacionais em sala de aula, a fim de prevenir e reduzir o uso de drogas e a violência entre crianças e adolescentes.

Diante do aumento do consumo de drogas proibidas ou não, entre crianças e adolescentes em idade escolar, torna-se necessário um trabalho efetivo e contínuo de prevenção de uso de drogas, entre os jovens que ainda não tiveram contato com tais substâncias.

No município de Guaratinguetá, atende os alunos de 5º ano de toda a rede municipal e particular em 2 semestres (cada semestre um grupo de escolas), que ao término de cada semestre encerra com uma cerimônia de formatura onde os alunos recebem um certificado de conclusão.

O programa tem por objetivo a prevenção ao uso de drogas entre crianças em idade escolar, o qual será desenvolvido através de:

Ações:
– Fornecimento de informações aos estudantes sobre álcool, tabaco e drogas afins;
– Ensinar os estudantes, as formas de dizer não às drogas;
– Ensinar os estudantes a tomar decisões e as consequências de seus comportamentos;
– Trabalhar a autoestima das crianças, ensinando-as a resistir às pressões que as envolvem.


EDUCAÇÃO PARA O TRÂNSITO

Aplicação: Alunos do 3º ano do ensino fundamental

Número de estudantes atendidos: 1.350 alunos em 2014

Objetivo: O curso tem como objetivo despertar nos estudantes a consciência sobre a importância da educação para o transito.

Ações: Em 14 aulas semanais os alunos vão conhecer noções sobre direitos e deveres de pedestres e motoristas, andar no trânsito, transitando de bicicleta, comportamento na moto, comportamento no carro, comportamento no ônibus, trânsito e meio ambiente, entre outros.Ao término do programa, os alunos participarão de uma formatura e receberão Carteira de Habilitação Mirim.


“ESTRADA PARA A CIDADANIA” E “EDUCAÇÃO AMBIENTAL” – CCR NOVA DUTRA

Aplicação: Estudantes da Rede Municipal

Número de estudantes atendidos: 2.500 alunos por ano

Objetivo:Educar os alunos do 4º ano e 5º ano do Ensino Fundamental, da Rede Municipal de Ensino, a fim de promover o diálogo entre as disciplinas, oferecendo novas perspectivas de abordagem sobre a cidadania no trânsito e meio ambiente.

Ações: Os pedagogos do sistema CCR-Nova Dutra realizam capacitações com os professores a fim de que se tornem multiplicadores em sua unidade escolar e realizem trabalhos sobre temas relacionados a educação no trânsito, como por exemplo a confecção de cartas pelos alunos e entregues aos motoristas nos pedágios constantes nas estradas sob a responsabilidade da concessionária.

Além das aulas em sala, as crianças participam de atividades complementares, como a ação Crianças Amigas da Estrada, uma blitz educativa na qual as crianças interagem com os motoristas, proporcionando uma vivência real do espaço trânsito. Já na campanha Cidadania na Estrada são distribuídas nas praças de pedágio cartas produzidas pelas crianças em sala de aula com mensagens de solidariedade, paz e segurança no trânsito, durante a Semana Nacional do Trânsito.


PROJETO REAÇÃO

Aplicação: Escolas EMEIEF “Professora Maria Júlia Antunes do Amaral Moreira”, EMEIEF “Professora Maria Carmelita de Moraes”, EMEF” Professora Heloisa Helena Rois. Sanches”, EMEFI “Dr. Guilherme Eugênio Filippo Fernandes” e EMEIEF “Professora Zezé Figueiredo”.

Número de estudantes atendidos: 400 alunos por ano

Objetivo: Em parceria com o Instituto Braudel, o Programa tem o objetivo de promover a alfabetização científica, melhorando  a qualidade do ensino da ciência por meio da capacitação de professores, para que explorem o tema com experiências e oficinas.


PROGRAMA GESTÃO NOTA 10

Aplicação: Toda a rede

Número de estudantes atendidos: Toda a rede

Objetivo: Uma parceria entre Prefeitura Municipal, Secretaria da Educação, Instituto Ayrton Senna patrocinado pela empresa AGC.

O Programa é dirigido aos gestores de educação (diretores de escolas e equipe das secretarias de ensino). Oferece capacitação e ferramentas gerenciais para esses profissionais.

O objetivo é de elevar a qualidade da aprendizagem de forma equitativa, e promover a articulação de todas as condições necessárias para a eficácia dos processos educacionais narede pública de ensino, incluindo princípios de gestão nas quatro esferas da educação formal: aprendizagem, ensino, rotina escolar e política educacional.

Também objetiva fortalecer a competência técnica das lideranças e das equipes de trabalho, criando uma interação ativa e cooperativa na escola e entre a escola e a secretaria de educação.

Ações:O Gestão Nota 10 trabalha com indicadores e estabelece metas a serem parceladas e cumpridas pelas escolas e secretarias de educação, devidamente ajustadas a cada  ano letivo a partir da realidade dos resultados obtidos no ano anterior. Suas ações estão diretamente ligadas aos diretores de escola e equipes de secretaria de educação.

 


PROGRAMA CIRCUITO CAMPEÃO

Aplicação:

Número de estudantes atendidos:

Objetivo: Uma parceria entre Prefeitura Municipal, Secretaria da Educação, Instituto Ayrton Senna patrocinado pela empresa AGC.

O Programa introduz, nos primeiros anos do Ensino Fundamental das redes regulares, ferramentas de gestão da aprendizagem como soluções concretas para estancar a má qualidade de ensino.

O objetivo do programa é garantir o desenvolvimento de habilidades de leitura e escrita, de cálculos matemáticos e de compreensão de fenômenos naturais e sociais, de maneira a contribuir para a permanência do aluno na escola e para o seu sucesso.

O Programa introduz nas escolas e secretaria de ensino uma cultura de gestão focada em resultados de aprendizagem. Prioriza políticas de alfabetização e de acompanhamento das quatro primeiras séries do ensino fundamental.

Ações:


PROGRAMA SUPERAÇÃO JOVEM

Aplicação: Alunos do 6º ao 9º ano do ensino Fundamental II

Número de estudantes atendidos:

Objetivo: O programa Superação Jovem é um programa que tem como objetivo trabalhar a leitura e produção de texto com os alunos do Ensino Fundamental II – 6º a 9º ano nas aulas de Língua Portuguesa.

Ele foi implantado pela Secretaria Municipal de Educação de Guaratinguetá em parceria com a AGC e o Instituto Ayrton Senna.

Ações:

Teve início no 2º semestre de 2013 com a implantação de gêneros textuais específicos para serem trabalhados em cada ano do Ensino Fundamental II.

O 6º ano trabalhou com o gênero cordel e teve como um dos objetivos procurar trazer ao conhecimento dos alunos escritores cordelistas da região sendo que foram apresentados aos cordéis de São Luís do Paraitinga.

O 7º ano trabalhou contos de assombração também tendo a oportunidade de pesquisar e conhecer os contos de sua cidade.

O 8º ano trabalhou com haicai, um tipo de poesia que foi um desafio para professores e alunos por ser pouco conhecida da maioria.

O 9º ano trabalhou com o romance “Capitães da Areia” de Jorge Amado.

Esses mesmos gêneros também foram trabalhados no 1º semestre de 2014.

A partir do 2º semestre de 2014 os gêneros foram alterados; 6º ano trabalha poesia, 7º ano música,também há preocupação em apresentar artistas da terra, como o poeta Tonho França e o ilustre Dilermando Reis, ambos guaratinguetaenses; 8º ano miniconto e 9º ano artigo de opinião. Esse último gênero nos trouxe um grande benefício que foi a assinatura do jornal “O Estado de São Paulo” para as doze escolas que têm Ensino Fundamental II.

Desde o início do programa temos contado com a orientação e formação de professores de Língua Portuguesa da rede municipal pela equipe pedagógica do Instituto Ayrton Senna, Cléa Ferreira e Maria Regina Santos, agentes técnicas e Marisa Balthasar, professora doutora em Língua Portuguesa, que vem nos apoiando e acompanhando nosso trabalho de perto propiciando uma inovação na metodologia das aulas de leitura e produção de texto, essenciais para o desenvolvimento do aluno em sua educação global.

Além disso, a coordenadora de Língua Portuguesa da Secretaria Municipal de Educação, professora Adriana Alckmin, é responsável pelo programa Superação Jovem nas escolas fazendo o acompanhamento das aulas de Língua Portuguesa e a distribuição dos materiais pedagógicos e livros recebidos para programa.

Nesse um ano de trabalho com o programa Superação Jovem podemos perceber uma clara mudança de estratégia do professor com relação à leitura e produção de texto enfatizando sua presença pedagógica e o espaço para o aluno ter voz pela mediação e aprendizagem colaborativa.

O trabalho do professor de Língua Portuguesa junto ao coordenador pedagógico da escola resultará num memorial reflexivo do próprio professor e num evento no qual escolas que se inscreverem poderão mostrar os resultados desse programa.


PROJETO G.I.B.I. (Grupo de Iniciação ao Basquetebol Infantil)

Aplicação: Alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental II – Emeief Rural Profº André Freire – Bairro Colônia Do Piaguí; EmefProfª Ana Fausta De Moraes – Bairro Jardim Aeroporto; EmefProfª Elvira Maria Giannico – Bairro Vila Bela; Emef Rural Profª Francisca De Almeida Caloi – Bairro Da Pedrinha; EmefProfª Maria Aparecida Broca Meirelles – Bairro: Campo Do Galvão; Emeief Rural Profº André Freire – Bairro Colônia Do Piaguí; EmefProfª Ana Fausta De Moraes – Bairro Jardim Aeroporto; EmefProfª Elvira Maria Giannico – Bairro Vila Bela; Emef Rural Profª Francisca De Almeida Caloi – Bairro Da Pedrinha; EmefProfª Maria Aparecida Broca Meirelles – Bairro: Campo Do Galvão.

Número de estudantes atendidos:

Objetivo: Despertar o interesse do aluno pelo esporte; Elevar sua autoestima e qualidade de vida; Ocupar seu tempo ocioso com atividades esportivas no contra turno escolar para auxiliar no ensino-aprendizagem; Desenvolver a motricidade do aluno, aliado ao seu desenvolvimento cognitivo; Proporcionar o contato com o basquete aos alunos da rede pública municipal; Aumentar a prática de esportes no país, ampliando o número de esportistas e audiência para o basquetebol; Descobrir e valorizar possíveis talentos; Promover liderança, disciplina e respeito mútuo; Organizar e promover festivais e competições.

Ações:

As aulas de basquete acontecem no horário contrário das aulas regulares da escola (contra turno), onde são divididos em turmas de acordo com sexo e faixa etária. Cada turma é atendida duas vezes na semana com duas horas-aulas seguidas.


PROJETO ESPORTE NA ESCOLA – MODALIDADE (HANDEBOL)

Aplicação: Alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental II, idade de 11 a 14 anos, das escolas: EmefProfª Alcina Soares Novaes – Bairro Cohab Bandeirantes; EmeiefProfªAliete Ferreira Gonçalves – Bairro São Manoel; EmefProfº José Benedito Averaldo Galhardo – Bairro Pedregulho; Emef Ramão Gomes Portão – Bairro São Dimas; EmefProfº Virgílio Rosas Da Silva – Bairro São Bento.

 

Número de estudantes atendidos:

Objetivo: O projeto tem como objetivo fazer um trabalho de iniciação esportiva na qual a cada bimestre apresente e ensine aos alunos uma modalidade esportiva diferente para que possam conhecer e experimentar novas modalidades. Sendo assim os alunos que se destacarem e tiverem interesse em aprimorar-se nessas modalidades terão a disposição professores com turmas de treinamento da Secretaria de Esportes.

Dessa forma acreditasse que através desse projeto plantaremos sementes para que futuramente possamos colher bons frutos, resgatando o esporte do município, em uma parceria da Secretaria Municipal da Educação com a Secretaria Municipal de Esportes.

Além disso, pretende-se através do esporte: Elevar sua autoestima e qualidade de vida; Ocupar seu tempo ocioso com atividades esportivas no contra turno escolar para auxiliar no ensino-aprendizagem.

Desenvolver a motricidade do aluno, aliado ao seu desenvolvimento cognitivo; Descobrir e valorizar possíveis talentos; Promover liderança, disciplina e respeito mútuo; Organizar e promover festivais e competições.

Ações:

As aulas de handebol acontecem no horário contrário das aulas regulares da escola (contra turno), onde são divididos em turmas de acordo com sexo e faixa etária. Cada turma é atendida duas vezes na semana com duas horas-aulas seguidas.

rfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-slide
Acessibilidade
Click to listen highlighted text!