As Sete Maravilhas de Guaratinguetá: Matriz de Santo Antônio

09/06/2021

A Matriz de Santo Antônio, além de uma das Sete Maravilhas de Guaratinguetá, é o monumento mais antigo da cidade. Em 1630 foi construída originalmente em pau a pique com cobertura de palha, e em torno de si foi desenvolvendo-se a cidade, que ficava entre o caminho do ouro e o litoral.

A igreja passou por diversas mudanças ao longo dos anos, se afastando de sua forma original. Em 1817, o arquiteto austríaco Thomas Ender realizou um desenho que mais tarde serviria de inspiração para as reformas realizadas entre 1773-1780.

O estilo da construção é predominantemente barroca e, assumiu sua configuração atual após as modificações entre 1822 e 1847. Na sua torre direita, construída em 1817, há um relógio colocado em 1899 e sinos de 1856. A torre esquerda foi concluída em 1892. O interior da Igreja também segue o estilo barroco, apesar de também poder ser observada certa referência ao Rococó.

Além disso, a Matriz também foi o local da primeira missa realizada pela Santo Frei Galvão, em 1762. O tombamento da igreja se deu pela Lei Municipal n.º 177, de 26 de junho de 1952, que a declara “obra de valor histórico como monumento da fundação de Guaratinguetá”.

Skip to content